O Príncipe Encantado

Esse post foi escrito há uns 3 meses, e acabei não publicando. Considerando a solenidade desse dia (Valentine’s Day) achei que seria interessante postar. Gente, não levem tão a sério, é uma brincadeira, okey?


Ah, esse ser mítico, cuja existência é mais controversa que a do Papai Noel. Que povoa sonhos e devaneios femininos sabe-se lá desde quando. Que arranca suspiros desde o pré-escolar até a senilidade (velhice, gente, velhice). Mas afinal de contas que é esse cara?

cinderela

Ah… Vejamos:

Quem lembra o nome do príncipe encantado da Aurora (também conhecida como Bela Adormecida – a princesa dorminhoca)? Difícil? Outra chance: o príncipe da Branca de Neve? Também não? Última chance people: da Cinderela? Necas?

Se a gente observar bem os príncipes encantados são personagens coadjuvantes. Quando muito aparecem nas últimas cenas para salvar a princesa com um beijo e logo depois casar (mal se conhecem e se casam… E o mau exemplo pras nossas crianças?). O da Bela Adormecida até merece certo mérito: luta com um dragão. Já o príncipe da Gata Borralheira é a grande negação da categoria: só aparece pra dançar e casar. Nem salvar a princesa salva! Isso é tarefa que os ratinhos cumprem. Os ratinhos!! E dêem-se por felizes os príncipes que tem mais de duas falas. No final, dá pra se dizer que eles são parte do cenário: o castelo, a floresta, o príncipe.

As histórias giram em torno das desventuras das heroínas. Cinderela e as irmãs malvadas, Aurora e a maldição, Branca de Neve e a bruxa. Então por que – me digam: POR QUE – os príncipes encantados são alçados a protagonistas?

O que seriam dos contos de fadas sem os Príncipes Encantados? Não importa se a Cinderela se livrar da madrasta e irmãs malvadas. Nem que a Bela Adormecida não adormeça por 100 longos anos. E o que importa que a Branca de Neve nunca seja envenenada. Tenha dó! O que importa é que no final eles (sei lá quem e o seu Príncipe) vivam felizes para sempre. Obs.: A partir desse parágrafo, reconhecida a importância do personagem, suas iniciais apareceram em maiúsculas. Só pra constar.

auroraphillip

Mas nós, mulheres modernas, já superamos esses sonhos infantis há muito tempo. Não é? Heim??

Hã… Talvez não completamente… Tá, admito: NÃO! A indústria cinematográfica continua lucrando hor-ro-res nos vendendo Príncipes Encantados de todas as cores, tipos e gostos. Todos lindamente acomodados em um circulo-chato-prateado, o tal DVD. E agora com item adicional: personalidade! Desculpe, dois itens adicionais: personalidade e falas! Pasmem girls!

E o que tenho eu com esse mito retrógrado e antiquado? Respondamos assim:

_Gerente, me arruma um destes por favor. Ah, daqueles com personalidade. ;)

P.S.: O nome do Princípe da Bela Adormecida é Phillip. É, eu sei.

    • Anónimo
    • 12 de Junho, 2009

    PS 2 : Não etendi muito bem o post(to muito lerdo hoje hduashds)
    PS3:Um ótimo video game ;D

    • Ph
    • 12 de Junho, 2009

    por mais que princípes nem existam, ou nao existam mais, ou sequer nunca existiram, o sentimento nobre de um princípe sempre vive no interior do homem,
    mesmo que o homem não mereça uma princesa, enfim…
    casos e casos…
    e concordo com o post acima,
    PS3 eh um ótimo video game…

    ;*

    sunshine

    • nine
    • 13 de Junho, 2009

    pq vc fez historia e não jornalismo mocinha?! /te invejo

    • Kathine.
    • 13 de Junho, 2009

    Meeeeee.. sabe que eu nunca dei muito valor para os principes…. sempre achei que era dever dele salvar a princesa… e nao importa a identidade (e o nome) dele… o importante era a princesa ficar sã e salva… e beijada hauhahaa..
    E meu, fala sério.. as princesas eram muito putinhas… malemal conheciam e ja iam beijando… sem nem saber direito sobre ele.. e sem nem deicar nós (leitores) conhecerem melhor o gato!
    aha

    Mas, ainda bem que as histórias sempre acabam no felizes para sempre.. pq se tivesse mais algumas paginas adiante… teriam que mudar infelizes para sempre, isso sim
    asdhsaudhsauhdshda

    Ta, exagero o meu… digamos..

    Beijo =*
    :)

    • Mariana
    • 13 de Junho, 2009

    Concordo plenamente, é dever deles salvarem as princesas, mas eles poderiam ser mais interessantes pelo menos né!!
    haushuahushuau

    • Mariana
    • 13 de Junho, 2009

    Nah. Sempre achei os príncipes completamente supérfluos, fala sério. As protagonistas sempre foram (e sempre serão!) as princesas. (E os ratinhos!).
    Talvez as fadas madrinhas e olhe lá…

    Quem precisa de princípes?

      • Digão
      • 14 de Junho, 2009

      bah, isso (os príncipes serem coadjuvantes) é devido a vc ter um cérebro feminino. Se fores boazinha e agires para melhorar teu carma, quem sabe na próxima reencarnação tu possa entender por outro ponto de vista…

      abraços
      Digão

      P.S.3 Xbox 360 é melhor

    • Mariana
    • 13 de Junho, 2009

    By eu (a Jhu) e não a Mariana acima.

    (Lógico né? Você acha que a Mariana iria criticar princípes encantados? Tsc).

    • Mariana
    • 13 de Junho, 2009

    A Mariana é uma trouxa cara. Essa revoltinha aí com os príncipes encantados é pura fachada.

    UMA TROUXAAA! Enrrustida ainda!

    • anonimo
    • 26 de Agosto, 2009

    o nome do principe da cinderela é hery (:

    • g
    • 20 de Março, 2010

    frhtjhhju

    • rafaela
    • 30 de Abril, 2010

    senpre achei os principes ~ bonitos beijos
    aaaaaaaaaaaaaaaaaai como sao botos que lindo
    beijos thal

  1. O da Branca de Neve é Eduardo o da Bela Adormecida e Felipe e da Ariel é Erick(talvez tem H).

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: