Considerações finais

Essas são as considerações finais do meu Relatório de Estágio, e o título do texto é esse mesmo: Considerações finais, porque a falta de criatividade me atingiu em cheio agora. A questão é que o Délcio elogiou o texto e eu fiquei superfeliz :). E esse é o único verdadeiro motivo de eu postar aqui, porque eu realmente não quero ser professora no momento.

Realizar todas as etapas do estágio, e do curso de Licenciatura em História revelou-se um verdadeiro desafio. Pensar, repensar a prática docente antes, durante e depois da docência foi intrigante. Pode-se indagar: é isso ser, se construir professor?

Afinal o que é ser professor? Preparar aulas, aplicar provas, expor conteúdo, construir conhecimento, afiar a capacidade critica do discente. São tantas funções e atribuições que se delegam à essa categoria profissional. E o tempo parece curto, os recursos escassos, a valorização mínima. Ser professor é ser ético e profissional acima de tudo isso? É lutar pelos seus direitos como categoria, como profissional e como cidadão?

Escrever sobre a trajetória que os acadêmicos iniciaram há pouco mais de três anos nos remete às expectativas e projetos com que iniciaram essa jornada. Elas foram satisfeitas, eles se tornarão aquilo que esperavam? Caso se diga que sim, a Academia pouco fez por eles. Se não, se não se tornaram aquilo que esperavam, significa que algo no caminho os transformou. Os fez rever conceitos, repensar estratégias, planos e sonhos. Tomar caminhos diferentes dos que antes traçaram. Isso os torna professores?

Ser professor é ensinar o caminho, ou ensinar a caminhar? Pressupõe severidade ou mansidão? Ou ambos? Trata de companheirismo ou autoridade? Os alunos devem teme-los ou amá-los? A sua palavra é lei, ou ele deve ser flexível?

Ficam mais perguntas que respostas. Muitas delas são respondidas em alta voz para reafirmar as suas posições ideológicas, mas o que é ser professor, o que é formar-se um educador faz parte de um processo tão complexo e longo que certamente não se resume à Graduação ou ao estágio.

Se construir professor é um exercício diário, semanal, mensal e anual. É o constante exercício das suas competências, das suas qualidades, da sua flexibilidade. É desejar ardentemente que o aluno aprenda, e rever várias vezes a sua prática para que alcance com sucesso esse objetivo.

Não existe fórmula pra ser docente, e nem o caminho a ser seguido. Mas o constantemente caminhar, olhar para os lados, perceber o que está à sua volta e apreender. Sempre.

Beijos gente, e viram: tô postando mais :D

  1. Saiba falar de assuntos leves e descontraídos, como música, cinema, lugares interessantes… Faça algumas brincadeiras e, até mesmo,
    a provoque de vez em quando.

  2. The traditional Pc game, having said that, is about to overtake consoles,
    projected to reach $29-billion global revenue in 2016, versus $28-billion for
    consoles.

  3. Il faut essayer de ne pas trop creer d’humidite en couvrant les casseroles le plus possible lorsqu’on cuisine,
    et si on n’a pas de hotte aspirante an extraction (qui type
    l’atmosphere vers l’exterieur, ouvrir un peu la fenetre si
    necessaire.

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: