Dia dos namorados ou “All by myself don’t wanna be”

Todo dia dos namorados é a mesma coisa: loucura nas redes sociais. É um “ser solteiro é melhor” daqui “nem queria mesmo” de lá. Gente, que saco!

Então já que vocês podem ficar me azucrinando, me sinto no direito à réplica.

1º Solteirice não é o fim do mundo. Há felicidade no ser solteiro; tem que ser muito medíocre pra não conseguir ficar sozinho e estar satisfeito. Isso se chama amor-próprio, e vai fazer você gostar de estar na própria companhia, amados.

2º Você pode dizer que está melhor solteiro. Nada demais. O chato, carente e irritante é você falar isso umas 30 vezes justamente no dia dos namorados. Aí é quase mendigar por um cônjuge.

3º Sim você está carente, e admite isso (até aí tudo bem). Então que tal falar de amor, que é bonito, inspirador e meloso (mas de um jeito fofo né). Dá pra ler Orgulho e preconceito e ficar obcecada pelo Mr. Darcy; aliás, isso eu recomendo em qualquer outro dia do ano.

Enfim, ano que vem (pelamordedeus) se contenham!

 

Pra não passar em branco, um felicíssimo dia dos namorados pro meu bem, meu querido, por quem eu tenho uma afeição gigante e que é minha joie de vivre. Beijos Má ;)

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: